Blog

Sustentabilidade: aplicando nos processos escolares

O termo sustentabilidade nunca esteve tão em evidência, principalmente depois das queimadas na Amazônia, e da popularidade da ativista climática Greta Thunberg, após seu discurso na Organização das Nações Unidas (ONU).

Como o futuro depende basicamente do comportamento e ações que fazemos hoje, é na escola o melhor lugar para se aplicar e falar a respeito da sustentabilidade. Para isso, é preciso conscientizar os alunos e mostrar que, através da educação, podemos tomar atitudes que podem contribuir para um melhor desenvolvimento sustentável.

Neste artigo, vamos falar um pouco sobre como o conceito de sustentabilidade pode ser aplicado nos processos escolares. Confira!

Tudo começa com um conjunto de práticas

A melhor maneira de aplicar a sustentabilidade nas escolas é aliar a teoria com a prática, situação que no passado não era algo muito presente nos ambientes acadêmicos. Costumávamos receber e estudar as informações nos livros, mas dificilmente esse conhecimento perpassava para o dia a dia, sendo aplicado na prática.

Por isso, deve-se ter em mente que aplicar a sustentabilidade nos processos escolares consiste em realizar, junto com os alunos, um conjunto de ações que visam a melhora da sociedade e, consequentemente, do planeta.

Além das aulas teóricas, é extremamente importante ampliar o conhecimento fora da sala de aula. Abordar a importância de economizar água no dia a dia, o uso de copos e materiais recicláveis, incentivar que as crianças e alunos levem sua própria caneca, evitar todo e qualquer desperdício de alimento e de materiais escolares, assim como incentivar o contato com o meio ambiente. Realizar aulas fora da sala de aula, colocando os alunos em contato direto com a natureza é uma excelente forma de aplicar o conceito de sustentabilidade nos processos escolares.

Sustentabilidade na prática

1 – Incentive o uso de materiais reciclados

Que tal uma aula prática e super dinâmica sobre como reaproveitar os materiais para criar novos objetos e fazer arte?

Hoje, há diversas formas de reaproveitamento do plástico, garrafas pets, caixas de papelão, madeira, e tudo isso pode ser utilizado de forma educativa. Uma dica é trabalhar em conjunto com os professores de arte, para que eles possam preparar aulas nas quais possam ensinar um tutorial para que os alunos possam aprender novas práticas sustentáveis por meio da arte.

2 – Horta coletiva

A criação de uma horta coletiva é mais um exemplo de como o conceito de sustentabilidade pode ser aplicado nos processos escolares. Com a prática, o aluno poderá aprender e despertar o seu interesse não apenas pelo meio ambiente, mas também para uma alimentação mais saudável.

O contato com a natureza, de maneira geral, é sempre uma vivência diferente e válida para levar os alunos a um outro nível de consciência.

3 – Colocar coletores seletivos

Outra excelente ideia é adotar uso de coletivos seletivos, em que o aluno poderá aprender a separar os resíduos e fazer o descarte correto. Muitas escolas já adotaram esse método, que acaba sendo benéfico para a sociedade de forma geral.

Aproveite para colocar cartazes educativos a respeito de boas práticas sustentáveis, como reduzir o uso de papel, economizar energia elétrica, não desperdiçar água e incentivar o uso consciente dos insumos.

Sustentabilidade: aplicando nos processos escolares

Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *