como-um-sistema-de-gestao-escolar-pode-otimizar-os-processos-educacionais

Como um sistema de Gestão Escolar pode otimizar os processos educacionais?

Compartilhe! Share on Facebook7Share on Google+0Tweet about this on Twitter0Share on LinkedIn0

A gestão escolar se refere à administração da escola como um todo, desde questões pedagógicas até as financeiras.

Existem muitos processos que devem ser realizados para que o ensino ocorra, entre eles, podem ser citados:

  • a organização do currículo;
  • alocação de professores;
  • formação de turmas;
  • matrículas;
  • mensalidades;
  • e outros que envolvem o dia a dia de uma instituição de ensino.

como-um-sistema-de-gestao-escolar-pode-otimizar-os-processos-educacionais

Diante disso, o papel da gestão escolar é o de garantir as condições necessárias para fornecer um ensino de qualidade ajudando a desenvolver competências e habilidades importantes na vida pessoal e profissional dos alunos.

Mas, para que isso aconteça é preciso trabalho, dedicação e foco na gestão orientando-a para resultados.

Não é fácil dar conta de tantas atribuições como as de um gestor escolar, por este motivo é tão importante implantar um sistema de gestão. Este recurso tecnológico ajuda o gestor e a equipe a registrar, gerir e organizar informações, além de fornecer relatórios e documentos importantes.

Veja, agora, como um sistema de gestão escolar pode otimizar os processos educacionais:

1. Atividades administrativas e financeiras

As tarefas administrativas são burocráticas e demandam muito tempo, porém quando existe na instituição um sistema de gestão escolar, as tarefas como emissão de 2ª via de boleto bancário, emissão de notas fiscais e rematrícula, por exemplo, podem ficar disponíveis para os usuários no autoatendimento. Essas, assim como outras tarefas administrativas e financeiras, consomem o tempo do gestor escolar, mas podem ser facilmente automatizadas com um sistema.

A vantagem de ter um sistema de gestão escolar pode ser sentida logo no início, pois os processos serão otimizados — economizando o tempo do gestor e da equipe.

2. Gestão acadêmica e pedagógica

Outras áreas que só têm a ganhar com um sistema de gestão escolar são a acadêmica e a pedagógica, porque a ferramenta possibilita aos professores lançarem as presenças, ausências, notas, conteúdos e tarefas via internet com alguns cliques.

Os professores e orientadores conseguem assim acompanhar o desempenho dos alunos individualmente, bastando inserir o nome de cada um deles na barra de pesquisa para obter informações — também é possível gerar relatórios por turma e por disciplina.

3. Comunicação eficiente

O sistema integra a base de dados interna possibilitando o acesso da equipe às informações necessárias, isso antes da implantação de um sistema, levaria tempo maior e dependeria de uma pessoa específica.

É claro, que nem todas as informações ficam disponíveis para todos, mas o sistema de gestão escolar auxilia, e muito, na integração e comunicação eficiente com a comunidade escolar.

Alunos e pais também acessam às informações disponíveis, tais como: frequência, boletim de notas e avisos importantes. Este mecanismo aproxima a participação dos pais na vida escolar dos filhos e permite ao aluno obter respostas mais rápidas sobre o seu desempenho escolar.

4. Acesso em qualquer dispositivo

O melhor de tudo é que as informações não ficam restritas a uma única máquina, elas são salvas na nuvem e podem ser acessadas de qualquer lugar e com qualquer dispositivo tecnológico compatível.

Dessa forma, não existirão mais problemas com a perda de dados ou falta de acesso a uma informação por você estar longe da sua estação de trabalho.

Um bom sistema de gestão escolar não só otimiza a gestão administrativa, mas também melhora a gestão em muitos aspectos, ajudando a sua instituição a oferecer uma educação com mais qualidade.

Compartilhe! Share on Facebook7Share on Google+0Tweet about this on Twitter0Share on LinkedIn0

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *