dicas-para-elaborar-um-plano-de-aula-20170714172415.jpg

Dicas para elaborar um plano de aula

Compartilhe! Share on Facebook13Share on Google+0Tweet about this on Twitter0Share on LinkedIn0

Fazer um plano de aulas pode ser um grande desafio. Essa tarefa é essencial para o desenvolvimento dos conteúdos em sala de aula e para o bom desempenho do aluno.

Um bom plano de aulas deve ser muito mais do que um amontoado de informações sobre os assuntos que serão abordados.

É preciso considerar as necessidades e conhecimentos da turma e direcionar adequadamente o que será trabalhado.

Veja algumas dicas para elaborar um plano de aula eficaz:

dicas-para-elaborar-um-plano-de-aula-20170714172415.jpg

 

1. Conheça o nível de conhecimento dos seus alunos

O primeiro passo é entender quanto os seus alunos sabem sobre os assuntos que você pretende abordar.

Não adianta preparar um plano que não seja condizente com a realidade da sala, por isso, trabalhe a partir do que eles já sabem e vá desenvolvendo o conhecimento.

 

2. Crie objetivos

É importante saber aonde você pretende chegar com cada conteúdo, por isso, determine objetivos, o que você espera que os alunos sejam capazes depois de um tema ser trabalhado.

Aproveite e compartilhe com a sala esses objetivos para que eles saibam o que esperar e se interessem.

 

3. Pense como tornar os conteúdos interessantes

Avalie como é possível apresentar aquele conteúdo de uma forma chamativa para despertar o interesse logo no início.

Não fique preso aos métodos tradicionais, pense em formas de trazer elementos que enriqueçam o conteúdo, como jogos, vídeos e outros recursos que despertem a curiosidade do estudante, fazendo ligações com outras áreas e assuntos de outras matérias.

 

4. Lembre-se de que cada aluno tem necessidades específicas

O conteúdo deve ser o mesmo para toda a sala, mas cada estudante tem mais dificuldades em determinados temas. Observe como cada um aprende e tente elaborar formas de atender as demandas da sala toda.

 

5. Use a tecnologia a seu favor

Hoje em dia, a vida dos jovens está permeada pela tecnologia.

Os alunos passam o dia online, nas redes sociais, fazendo pesquisas e assistindo a vídeos. Por isso, pense em formas de usar a tecnologia como sua aliada para atrair e prender a atenção deles.

Avalie qual a melhor ferramenta em cada caso para engajar e envolver durante as aulas.

6. Crie identificação com o assunto

Mostre para os alunos que o conteúdo é relevante e pode ser aplicado em seu cotidiano.

Ninguém se interessa por algo que não vê utilidade, mas quando você se identifica, imediatamente cria um interesse e se dedica mais.

 

7. Seja flexível

O plano de aula é um guia importante, mas não significa que você vai poder segui-lo fielmente, pequenos ajustes podem ser necessários.

Dificilmente as atividades vão acontecer exatamente da forma planejada. É preciso ir adequando sutilmente o planejamento para atender as necessidades e velocidade da turma.

Afinal, o objetivo não é apenas despejar o conteúdo.

 

Não existe um modelo ideal de plano de aula, esse é um documento muito pessoal e deve ser adaptado para cada sala, mas com essas dicas você pode começar a traçar qual é o melhor caminho para seguir com seus alunos.

Boa sorte!

Compartilhe! Share on Facebook13Share on Google+0Tweet about this on Twitter0Share on LinkedIn0

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *